Vencer a solidão: 7 dicas poderosas

O que é a solidão, por que ela se instala e se fortalece em nós? Acompanhe este incrível artigo, que vai lhe trazer as melhores dicas de especialista para vencer a solidão.

Humanos são criaturas sociais. Buscamos e precisamos da companhia de outros — família, amigos, até mesmo estranhos. Isso é uma constante. Mas a vida não é, exceto no sentido de que ela muda constantemente com o tempo. E quando nossas circunstâncias sociais mudam, às vezes nos sentimos solitários e isolados.

O que realmente é solidão?

A solidão não é necessariamente um produto do isolamento físico. Muitas pessoas administram suas vidas muito bem, apesar da interação mínima com outras pessoas.

Eles estão sozinhos, mas não solitários, o que é um sentimento subjetivo, uma questão de perspectiva e desejo. A solidão é uma angústia causada por se sentir sozinho, mesmo em uma multidão.

É a diferença entre o que você pensa que tem e o que acha que quer.

A idade está ligada à solidão?

Embora a solidão moderada a grave esteja presente em toda a vida adulta, é particularmente intensa em certas faixas etárias — uma delas é o final dos anos 80.

Em nossa sociedade, envelhecer muitas vezes significa mudar-se para comunidades de idosos ou aposentados. Esses locais têm benefícios óbvios, proximidade, por exemplo, com serviços essenciais e seu grupo de pares. Estes são os principais exemplos de configurações de congregação.

No entanto, a solidão não é incomum nessas comunidades ou situações de convivência em grupo, apesar de áreas comuns compartilhadas, saídas sociais planejadas e atividades comunitárias.

Como o problema se manifesta na população idosa

De fato, segundo pesquisa realizada nos EUA, 85% dos moradores em uma comunidade independente de habitação sênior (clínica) relataram níveis moderados a severos de solidão. Algumas das razões eram óbvias.

  • Perdas relacionadas à idade, como as de cônjuges, irmãos e amigos, são uma fonte de solidão.
  • Fazer novos amigos em uma nova comunidade nem sempre é fácil e pode não compensar completamente quem perdemos.
  • A solidão também pode estar associada à perda de propósito na vida, à perda de direção e controle.

Mas a idade pode trazer sabedoria, que é o grande antídoto para a solidão.

Dicas para vencer a solidão

Como descobri na minha pesquisa, a sabedoria carrega consigo alguns componentes críticos para afastar a solidão, incluindo autorreflexão, empatia e compaixão, espiritualidade e regulação emocional.

Aqui estão algumas das minhas observações sobre maneiras de usar a sabedoria para combater a solidão, todas baseadas em provas rigorosas e empíricas publicadas em revistas científicas revisadas por pares:

Procure entender a solidão.

O primeiro passo para se sentir menos solitário é reconhecer que você está se sentindo sozinho e pensar por que se sente assim. Isso requer autorreflexão, um olhar intransigente sobre seus comportamentos, ações e o mundo ao seu redor. Que situações fazem você se sentir sozinho? Por outro lado, que coisas você fez para melhorar essas situações ou eliminá-las completamente? Antes de resolvermos um problema, temos que entender suas origens.

Saber que ter empatia é importante.

É sábio lembrar que todos têm problemas e desafios. O comportamento distante ou ruim dos outros pode ser um efeito colateral não intencional de suas próprias lutas e não realmente direcionado a você. O que você pode fazer para aliviar a dor deles? Faça algo bom para eles, e será pago de volta em bondade. Isso é compaixão.

A compaixão é multidimensional.

De todos os componentes da sabedoria, observei que o comportamento pró-social ou compaixão é mais preditivo da solidão — em outras palavras, praticar compaixão pode ajudar a prevenir e reduzir a solidão crônica.

Há duas categorias importantes de compaixão para ter em mente:

  • compaixão pelos outros e
  • compaixão por si mesmo.

Autocompaixão é aprender a não ser muito duro consigo mesmo. Todos cometemos erros. Todos nós vivemos e aprendemos. Lembre-se: a solidão não é um fracasso de personalidade.

Cuide do seu lado interior

Espiritualidade não é religião — ateus podem ser espirituais. Espiritualidade significa ter uma conexão constante com algo ou alguém que possa soar abstrato para os outros – se você chama essa entidade de alma, consciência, natureza ou deus – que está sempre lá.

Pode vir de se envolver em meditação ou uma atividade como tai chi ou yoga. Pode até estar se comunicando com a natureza.

Vencer a solidão depende de agregar pontos positivos

Não há uma solução de tamanho único para se defender ou acabar com a solidão. Começa com uma avaliação clara de si mesmo e circunstâncias, mas todo o resto é uma questão de encontrar o que funciona melhor, muitas vezes com a ajuda dos outros.

“Aceitei o processo de envelhecimento”, disse um participante sênior desta pesquisa. “Eu não tenho medo dele. Eu costumava escalar montanhas. Eu quero continuar em movimento, mesmo que eu tenha que rastejar”.

A boa notícia é que esse tipo de atitude garante que haverá outros ao seu lado — ajudando você a ficar em pé, andar, correr e escalar.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *